GaloKombi em vídeo

Loading...

segunda-feira, 18 de março de 2013

O Galo de Volta aos Anos 80!?

Qual a semelhança entre as equipes do Atlético abaixo (1986 e 2013)?



Ambas devolveram à torcida a certeza de bons jogos, de busca de resultados, e, principalmente, de tranquilidade para superar adversidades.
Essa foi a principal conclusão que pude tirar das conversas entre os diversos torcedores comentando o resultado final do clássico contra o América.
Sim, porque os torcedores que ouvi, na descida da Ismênia, eram unânimes em dizer que não têm mais preocupação quando o Galo começa um jogo atrás no placar, porque esse time faz como os grandes elencos do Galo da década de 1980 faziam.
Buscavam o resultado, superavam os contratempos, venciam seus adversários, não importando quem estivesse do outro lado, citando como exemplo o Flamengo, grande adversário daqueles tempos, com Zico em campo.
Se o Flamengo com Zico já num guentavaaaaa naquela época, o América de Fábio Jr. é que iria suportar o show atleticano!? Claro que não.
E tudo o que os torcedores de quem biquei as conversas contavam sobre o que viram nos anos 80 tem se mostrado nesta temporada 2013.
Foi assim contra a Tombense, Arsenal de Sarandi, passou um sufoco contra o The Strongest, muito mais pela altitude que pelo futebol, o mesmo ocorreu contra o São Paulo. E foi assim contra o América, em que, saindo atrás no placar, teve calma, paciência, e principalmente, futebol, para vencer de forma implacável o pífio time do América.
Este clássico foi a partida mais fácil do Galo neste campeonato mineiro até aqui. E por duas razões: 1. O América é muito ruim. Tão ruim que vai disputar rebaixamento à Série C do Brasileiro, isso se não correr o mesmo risco neste estadual, se não abrir o olho rápido e mudar tudo, de novo! 2. Mesmo com um time ruim, quis jogar de igual pra igual com o melhor time da Libertadores. Aí foi chocolate!
Lamentamos dizer, mas a páscoa foi cancelada! O coelhinho caiu no horto, e agora tá morto (via @palominhasoeiro no twitter)

Nenhum comentário:

Postar um comentário