GaloKombi em vídeo

Loading...

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

DIFERENÇA DE VELOCIDADE

Vejam a diferença de velocidade dos carros na F1 e na GT, na mesma curva, a Eau Rouge, em Spa, na Bélgica!
É lógico que a GaloKombi dá bina nesses caras!

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Previsões de José Simão (Colunista Folha de São Paulo), para as Olimpíadas no Rio - 2016.

De 2010 a 2015

1. ONGs vão pipocar dizendo que apóiam o esporte, tiram crianças das ruas e as afastam das drogas. Após as olimpíadas estas ONGs desaparecerão e serão investigadas por desvio de dinheiro público. Ninguém será preso ou indiciado.

2. Um grupo de funk vai fazer sucesso com uma música que diz: vou pegar na tua tocha e você põe na minha pira.

3. Uma escola de samba vai homenagear os jogos, rimando "barão de coubertin" com "sol da manhã". Gilberto Gil virá no último carro alegórico vestido de lamê dourado representando o "espírito olímpico do carioca visitando a corte do Olimpo num dia de sol ao raiar do fogo da vitoria".

4. Haverá um concurso para nomear a mascote dos jogos que será um desenho misturando um índio, o sol do Rio, o Pão de Açúcar e o carnaval, criado por Hans Donner. Os finalistas terão nomes como: "Zé do Olimpo", "Chico Tochinha" e "Kaíque Maratoninha".

5. Luciano Huck vai eleger a Musa dos jogos, concurso que durará um ano e elegerá uma modelo chamada Kathy Mileine Suellen da Silva.


Abertura dos jogos


1. A tocha olímpica será roubada ao passar pela baixada fluminense. O COB vai encomendar outra com urgência para um carnavalesco da Beija flor.

2. Zeca Pagodinho, Dudu Nobre e a bateria da Mangueira farão um show na praia de Copacabana para comemorar a chegada do fogo olímpico ao Rio. Por motivo de segurança, Zeca Pagodinho será impedido de ficar a menos de 500 metros da tocha.

3. Durante o percurso da tocha, os brasileiros vão invadir a rua e correr ao lado dela carregando cartolinas cor de rosa onde se lê "GALVÃO FILMA NÓIS",   "100% FAVELA DO RATO MOLHADO".

4. Pelé vai errar o nome do presidente do COI, discursar em um inglês de merda elogiando o povo carioca e, ao final, vai tropeçar no carpete que foi colado 15 minutos antes do início da cerimônia.

5. Claudia Leite e Ivete Sangalo vão cantar o "Hino das Olimpíadas" composto por Latino e MC Medalha. As duas vão duelar durante a música para aparecer mais na TV.

6. O Hino Nacional Brasileiro será entoado a capella por uma arrependida Vanuza, que jura que "não bota uma gota de álcool na boca desde a última copa". A platéia vai errar a letra, em homenagem a ela, chorar como se entendesse o que está cantando, e aplaudir no final como se fosse um gol.

7. Uma brasileira vai ser filmada varias vezes com um top amarelo, um shortinho verde e a bandeira dos jogos pintada na cara. Ela posará para a Playboy sem o top e sem o shortinho e com a bandeira pintada na bunda.

8. Por falta de gás na última hora, já que a cerimônia só foi ensaiada durante a madrugada, a pira não vai funcionar. Zeca Pagodinho será o substituto temporário já que a Brahma é um dos patrocinadores. Em entrevista ao Fantástico ele dirá que não se lembra direito do fato.

9. Setenta e quatro passistas de fio-dental vão iniciar a cerimônia mostrando o legado cultural do Rio ao mundo: a bala perdida, o trafico, o funk, o sequestro-relâmpago e a favela.

10. Durante os jogos de tênis a platéia brasileira vai vaiar os jogadores argentinos obrigando o árbitro a pedir silencio 774 vezes. Como ele pedirá em inglês ninguém vai entender e vão continuar vaiando. Galvão Bueno vai dizer que vaiar é bom, mas vaiar os argentinos é melhor ainda. Oscar concordará e depois pedirá desculpas chorando no programa do Gugu.

11. Um simpático cachorro vira-lata furará o esquema de segurança invadindo o desfile da delegação jamaicana. Será carregado por um dos atletas e permanecerá no gramado do Maracanã durante toda a cerimônia. Será motivo de 200 reportagens, apelidado de Marley, e será adotado por uma modelo emergente que ficará com dó do pobre animalzinho e dirá que ele é gente como a gente.

12. Adriane Galisteu posará para a capa de CARAS ao lado do grande amor da sua vida, um executivo do COB.

13. Os pombos soltos durante a cerimônia serão alvejados por tiros disparados por uma favela próxima e vendidos assados na saída do maracanã por "dois real".


Durante os jogos


1. Caetano Veloso dará entrevista dizendo que o Rio é lindo, a cerimônia de abertura foi linda e que aquele negão da camiseta 74 da seleção americana de basquete é mais lindo ainda.

2. Uma modelo-manequim-piranha-atriz-exBBB vai engravidar de um jogador de hóquei americano. Sua mãe vai dar entrevista na Luciana Gimenez dizendo que sua filha era virgem até ontem, apesar de ter namorado 74 homens nos últimos seis meses, e que o atleta americano a seduziu com falsas promessas de vida nos EUA. Após o nascimento do bebê ela posará nua e terá um programa de fofocas numa rede de TV.

3. No primeiro dia os EUA, a China e o Canadá já somarão 74 medalhas de ouro, 82 de prata e 4 de bronze. Os jornalistas brasileiros vão dizer a cada segundo que o Brasil é esperança de medalha em 200 modalidades e certeza de medalha em outras 64.

4. Faltando 3 dias para o fim dos jogos, o Brasil terá 3 medalhas de bronze e 1 de ouro, esta ganha por atletas desconhecidos no esporte "caiaque em dupla". Eles vão ser idolatrados por 15 minutos (somando todas as emissoras abertas e a cabo) como exemplos de força e determinação. A Hebe vai dizer que eles são "uma gracinha" ao posarem mordendo a medalha, e nunca mais se ouvirá deles.

5. A seleção brasileira de futebol comandada por Ronaldo Fenômeno vai chegar como favorita. Passará fácil pela primeira fase e entrará de salto alto na fase final, perdendo para a seleção de Sumatra.

6. A seleção americana de vôlei visitará uma escola patrocinada pelo Criança Esperança. Três meninos vão ganhar uma bola e um uniforme completo dos jogadores, sendo roubados e deixados pelados no dia seguinte.

7. Os traficantes da Rocinha vão roubar aquele pó branco que os ginastas passam na mão. Um atleta cubano será encontrado morto numa boate do Baixo Leblon depois de cheirá-lo. O COB, a fim de não atrasar as competições de ginástica, vai substituir o tal pó pelo cimento estocado nos fundos do ginásio inacabado.

8. Um atleta brasileiro nunca visto antes terminará em 57º lugar na sua modalidade e roubará a cena ao levantar a camiseta mostrando outra onde se lê: JARDIM MATILDE NA VEIA.

9. Vários atletas brasileiros apontados como promessa de medalha serão eliminados logo no inicio da competição. Suas provas serão reprisadas em 'slow motion' e 400 horas de programas de debate esportivo vão analisar os motivos das suas falhas.


Após os jogos


1. Um boxeador brasileiro negro de 1,85m estrelará um filme pornô para pagar as despesas que teve para estar nos jogos e por não obter patrocínio.

2. Faustão entrevistará os atletas brasileiros que não ganharam medalhas. Não os deixará pronunciar uma palavra sequer, mas dirá que esses caras são exemplos no profissional tanto quanto no pessoal, amigos dos amigos, e outras besteiras.

3. No início do ano seguinte, vários bebês de olhos azuis virão ao mundo e as filas para embarque nos voos para a Itália, Portugal e Alemanha serão intermináveis, com mães "ofendidas", segurando seus rebentos...

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Eu queria um motor desses na GaloKombi

Um motor magnético está em testes no Japão, capaz de gerar energia de modo perpétuo, sem gastar um tostão de eletricidade ou combustível fóssil.
Eu bem que queria um desses na GaloKombi...

domingo, 23 de outubro de 2011

3 de 10 possíveis ataques cardíacos já foram. Faltam 7!

Tudo bem que não foi um bonito. Muitos passes errados.
Tudo bem que a pressão foi demais, e a sorte, ainda bem, se mostrou a favor do Galo.
Tudo bem que o Fluminense estava desfalcado.
Mas, dane-se tudo isso, pois, no fim, o Galo venceu, garantiu três pontos, saiu da zona de rabaixamento, ainda que momentaneamente, empurrou as bicha pra lá, e aliviou a pressão na torcida, na diretoria e nos jogadores.
Acredito que o técnico Cuca tenha encontrado a melhor formação possível no meio campo, com Daniel Carvalho, Bernard, Fillipe Souto e Pierre, o melhor em campo contra o Fluminense.
Aliás, por falar em Pierre, Alexandre Kalil tem a chance de se redimir parcialmente de seus erros, pagando a multa e permitindo que Pierre entre em campo para enfrentar o Palmeiras. Sua participação é imprescindível!
Não vou ficar falando do jogo em si, porque vimos que técnica, que anda em falta no Galo, com esse catadão de jogadores, disponibilizado pelo Kalil, foi superada pela vontade.
Vontade, alías, que o zagueiro Réver vem declarando em todas as suas entrevistas, especialmente a de ontem, dada após o jogo, ao SporTV, que ainda não achei para postar aqui, e que serve, e muito, para os demais jogadores entenderem o que é jogar pelo Galo.
Aqui, aproveito para fazer campanha para que a camisa autografada pela torcida, na excelente proposta apresentada pelo Bolivar, seja entregue ao Réver, por sua postura diante desta ridícula situação pela qual o Galo passa.
Se o jogo não foi bonito, como já dissemos, o time mostrou, novamente, a mesma vontade que vimos contra o Santos, com outra vitória que ninguém esperava.
E é nessa toada que o barco atleticano vai seguir: um perde e ganha que ainda vai fazer a torcida sofrer muito, para chegar ao céu na Série A em 2012.
Eu acredito!

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

E SE VOCÊ BATER SEU CARRO A 190Km/h!?

Se você bater seu carro a 190km/h, certamente, vai dizer: já era...
E já era mesmo! Você e todos os passageiros do seu carro!
No vídeo abaixo você pode conferir o vai acontecer com você e seu carro, se houver uma colisão frontal, a 190 km/h, em um obstáculo fixo e maciço.
Ninguém, nenhum fabricante, jamais fez um crash test assim, pois, normalmente, esses testes são feitos em condições controladas e similares ao trânsito comum, de modo a permitir que sejam coletados dados para apuração de danos à estrutura e passageiros.
Porém, o Canal 5, da Inglaterra, resolveu fazer esse crash test por duas razões: 1. a maioria dos carros de passeio é capaz de alcançar tal velocidade; 2. curiosidade sobre o que pode acontecer numa rara situação dessa.
Dada a circunstância do teste, nem mesmo os bonecos de teste, que são caríssimos, podem ser utilizados, sendo utilizados manequins comuns.
Chega de papo e veja o vídeo. É assustador!

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

2 de 10 possíveis paradas cardíacas já foram. Faltam 8!

É isso aí: duas, de dez possíveis paradas cardíacas, já foram! Faltam 8!
A primeira foi contra o Santos, e quem quiser saber o que achamos do jogo, pode conferir nossa coluna no Galonautas, clicando aqui. Um jogo difícil, em que a vitória saiu suada, com muito custo.
Já contra o Vasco a situação foi outra: uma derrota, com sabor amargo. O sabor da indiferença.
Indiferença de uns jogadores que, visivelmente, estão aqui a passeio, não demonstrando o menor compromisso em tirar o Galo do fundo do poço que eles mesmos colocaram.
Mas essa derrota contra o Vasco já deveria estar computada por todos, pois, se com o time completo, não metemos medo, sequer receio, em ninguém, alguém achava que sem três titulares, teríamos a chance de vencer!? Empatar no máximo. E 2x0 foi pouco...
E vai ser assim até o final do campeonato, daí o porquê do título deste post, pois, se certamente não venceremos, em sequência, as cinco partidas que ainda precisamos, iremos ficar na primeira divisão (coisa que acredito piamente) capengando desse jeito: vence uma, perde outra, um empate suado, vence mais uma...
E assim iremos até o dia 04/12/2011, quando enfrentaremos a mariada, esperando já ter garantido antecipadamente nossa permanência na Série A, torcendo para que esse jogo seja, somente, a confirmação do rebaixamento delas...

domingo, 9 de outubro de 2011

DIZER O QUÊ!?

Dizer o que de um jogo com 752 testemunhas que pagaram ingresso?
Dizer o que de um jogo que termina 0x0 quando os adversário precisavam, desesperadamente, de uma vitória?
Dizer o que de um jogo em que a arbitragem, pra variar, prejudicou o Galo?
Dizer o que da apatia e inoperância de certos atletas num jogo que era, simplesmente, a segunda final, de 11 finais a serem disputadas? (a primeira foi contra o Ceará).
Dizer o que de um jogo em que o técnico que pensa em abandonar o barco, torna isso público?
Simples: dizer que já era, e que a segunda divisão torna-se, a cada dia, uma realidade, o Grand Finale da administração amadora de Alexandre Kalil.
Mas, enquanto houver chances, nem que seja matemática, a despeito da apatia e idiotia dos jogadores que o Presidente contratou, a GaloKombi vai acreditar e apoiar.
Depois a gente cobra direito de todos os vagabundos que circulam pelo CT...

domingo, 2 de outubro de 2011

MEDIOCRIDADE À PROVA DE DESCULPAS

Não haverá qualquer desculpa que consiga explicar, não digo nem justificar, o empate contra o Ceará.
Adversário direto na luta contra o rebaixamento, o Galo, que tinha como meta vencer as três partidas que tem em casa em sequência, conseguiu um empate ridículo, depois de várias chances desperdiçadas e com dois jogadores a mais.
Nem a pressão do #DeOlhoNoApito, que fez com que o árbitro fizesse péssimo trabalho, falhando muito em favor do Galo (com uma expulsão incorreta de um atleta cearense, com o gol em impedimento do Galo), serviu para fazer o Galo vencer e diminuir a distância de quem estava fora da Z4. Com o resultado, e a vitória dos paraguaienses, caímos mais uma posição e ficamos em décimo oitavo.
As chances perdidas, as jogadas não ensaiadas, as péssimas atuações de Renan Oliveira, André, J. Obina (que me pergunto como se tornou profissional), o pênalti perdido de Magno Alves (pessimamente batido), as falhas nas finalizações de Bernard, e a previsível nulidade de Didira, mostram que a mediocridade impera no elenco do Atlético.
E pior, medíocre e caro! Tanto em contratações quanto em salários!
E isso sem falar nos pseudo jogadores que estão machucados a sei lá quanto tempo, casos de Cambalhota e Dudu Cearense.
Junte-se a isso, um técnico medíocre, medroso, que não põe o time no ataque e parece desconhecer o elenco que tem mãos, insistindo em alguns jogadores que, efetivamente, não têm a menor condição de jogar em qualquer time de futebol, que dirá no Galo...
Coroando toda a mediocridade do elenco e comissão técnica, temos uma diretoria omissa, que acha que somente o dinheiro vai dar solução nesse caos.
É, a diretoria acha que dinheiro é a solução de todos os problemas, com a contratação de jogadores caros, mas que são apenas gafanhotos que usam o manto sagrado, sugando os recursos do clube, e que, quando chegar a Série B (tomara que isso não se repita...) vão embora, sugar os cofres de outros otários...
Estamos pagando pelos erros da presidência personalista, que resolve tudo sozinho, que gosta de dizer que gosta de mandar no Galo, e que a cada seis meses monta um novo time. E time é modo de dizer, já que esse amontoado de 75 jogadores contratados pelo presidente, não foram capazes de formar uma equipe...
O empate contra o Ceará, com 2 jogadores a mais, com toda ajuda da arbitragem, apesar da presença do movimento #DeOlhoNoApito, do qual fazemos parte como um dos fundadores, e que, como todos podem ver pelo teor deste texto, não isenta atletas e diretoria de mais um fracasso, simplesmente evidenciou que a mediocridade impera no Atlético, em todos os níveis.
E que parece não terá solução tão cedo, dadas as grandes chances de repetirmos o vexame de 2005, confirmando o apequenamento do CAM no cenário nacional, e graças às chances ainda maiores de vermos o atual presidente mandar, como ele gosta de dizer, por mais 3 anos... 

sábado, 1 de outubro de 2011

FACA NO DENTE E #DEOLHONOAPITO

O Galo enfrenta o Ceará amanhã, na Arena do jacaré, com a faca no dente e #DeOlhoNoApito!
Parte com a faca nos dentes, pra cair matando o Vovô, garantir uma vitória, incorporar três pontos, e ainda puxar o adversário para para perto da porta de entrada do inferno que é a Z4, já que é concorrente direto.
Ao Galo só resta uma saída: atacar e fazer gols! É partir pra cima e buscar a vitória, único resultado que nos interessa, a qualquer custo
Ao mesmo tempo, o time e a torcida estão #DeOlhoNoApito.
Como todos já devem saber, o movimento que já tomou a internet, o Twitter e o Facebook, vai acompanhar o árbitro do jogo e seus assistentes, e avaliar sua atuação, comparando-os com os jogos anteriormente apitados pelos mesmos, ressaltando que um dos bandeiras é o mesmo que apitou o impedimento não confirmado pelo árbitro Bassols...
E pra quem ainda não viu, abaixo o primeiro vídeo da campanha #DeOlhoNoApito:


AVANTE GALO!